sábado, 12 de novembro de 2011

Nota curta

A rua escura da cidade está cheio de violência e ódio.
As pessoas não acreditam na paz e vivem sem segurança... A fome, a morte e a dor estão por todas as partes e não há uma solução.
Alguns homens prometem que vão resolver, fazem muitos acreditarem que eles são a salvação.
Mas em todos o  reinos humanos, em todas as formas de governo, o que notamos é o fracasso.
Vivemos tempos dificies...Sem amor e sem respeito.
O mundo parece que esta mergulhado no caos absoluto e poucos são capazes de enxergar a saída.
E pouco menos dos que enxergam tem coragem para sair...
Poderíamos todos viver em um paraíso terrestre. Mas poucos lutam por isso.
Enquanto muitos, por não terem fé, desprezam.

                                                                        B.Poeta

domingo, 23 de outubro de 2011

Desmoronamento

Desperto caminhado novamente nas ruas escuras...Perdido novamente, sem direção.
Não há objetivos conclusivos para esse sistema humano. Não vejo saida positiva.
Tudo nos indica uma grande tragedia mundial...Sentimos isso na pele! E no coração.
E não creio que fingir-se de desinformado vá nós poupar das consequencias de contribuir com o sistema humano de sociedade.
Até o cegos vão vêr porque foram atingidos!
E mesmo sabendo disso  contribuo para o meu próprio prejuizo.
O mundo está a ponto de desabar!

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Uma nova aliança

Caminho ai fora junto com os homens que habitam no mundo, que fazem do mundo o que ele é.
Tento dizer á eles que devem parar de se curvar a este rei nefasto a quem se curvam, tento alerta-los de que o caminho que seguem os leva a morte.
Mesmo que não notem, mesmo que não vejam... Já fui um tolo e bebi também na taça dos demônios.
Já fui um cavalo para que os lordes perversos me movessem no tabuleiro da desordem.
Mas saibam todos que o livro sagrado declara está desgraça e decadência em que vivemos!
Prepararem-se para grande guerra que se aproxima, escolham seu lado pois nessa batalha não há neutralidade!
Eu já troquei minha armadura! Sirvo agora a nova ordem que está para mudar este mundo e trazer a paz!
Jeová abençoará os justos e seu próprio punho vai livrar a terra dos iníquos.

                                                                                                                    Bruno poeta

sábado, 11 de junho de 2011

O Fim

A sombra mundana que governa os homens está chegando a beira da ruína total.
Sinto isso no passar dos dias, no correr das horas.
 Os homens se curvam a governos injustos e corruptos que nunca vão conseguir estabelecer igualdade.
Mesmo que tentem sinceramente não vão conseguir...Um sistema perfeito de governo depende de uma mente perfeita para elabora-lo.
E não existe perfeição na humanidade.
Depravação e medo...Sangue e mentiras, são essas coisas que andam espalhadas por ai.
Sujando o planeta, desonrando a criação.
A fome toma conta das bocas, e a doença prevalece sobre a carne como nunca antes.
A idolatria do dinheiro ganhou níveis que ofendem a Deus.
E por esses motivos sei que o sistema está para entrar em colapso.
A iniquidade condena a vida!

                                                                Bruno poeta

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

o livro do caos: Unanimidades

o livro do caos: Unanimidades

Unanimidades


Vivemos todos dentro desse quarto escuro...E vivemos sem ter consciência disso.
Por trás dessa porta que nos tranca existe uma verdade que não querem que nós saibamos.
Mas os senhores do mundo dizem que não...Que não há mais nada  para saber.
Que temos tudo o que precisamos. 
Querem nos fazer crer que essa realidade que dividimos e a melhor realidade para se viver.
Que o sentido de estarmos no mundo e contribuirmos
na historia da evolução humana.
E que não existe papeis menores...Mas isso, isso é mentira.
Não nascemos para servir o sistema nem para alimentar essa loucura social.
Deveríamos ser livres, e não escravos como somos.
Nos privam da verdade pois sabem que do contrario não  aceitaríamos as regras.
O que devemos saber é que duas realidades convivem nesse mundo.
A realidade real, que são as arvores, as pedras, o mar, o sol... A natureza.
E a realidade criativa, aquele que se sujeita primeiro a nossas fantasias para depois se concretizar.
Essa realidade é o que nos condena e escraviza.
Pois cremos no que nos incentivam a crer.
acenda a luz da sua consciência e desconfie das unanimidades.

                                                                                                  B.souza
























quarta-feira, 31 de março de 2010

Coração nas trevas



Eu já caminhei no mundo... Vagando perdido no espaço e nas coisas que criaram.
Eu já amaldiçoei a mim e aos meus dias.
Eu já fui um serviçal no palácio dos reis.
Mas agora sou outro e me sinto forte e me sinto vivo e construo agora o meu próprio Feudo.
Dizem que você não pode, que não consegue.
Dizem que você é fraco e não tem chance de alcançar...
Mas ouçam! Isso é só uma canção mentirosa que tocam para você dançar.
Você pode parar tudo. Você pode mudar.
O que te incomoda? O que te faz infeliz?
O que você busca? O que você quer ser quando crescer?
Tudo que te incomoda, tudo que te faz sofrer está ai por sua causa.
Porque você pediu que estivesse... Por que você esperava isso acontecer.
 Sorria, celebre sua vida. Viva com prazer.
Não pense o que você não quer. Pensamentos ruins trazem coisas ruins.
Pense no que você deseja... Sinta acontecer.
Imagine-se possuindo a vida que você quer.
E de algum modo, de um modo extraordinário as coisas vão se transformar.
Assim se constrói um milagre... É esse o segredo da fé.
Foi isso que esconderam de nós.
E é disso que venho falar...